Como vais fazer com os teus gatos?

Deve ter sido uma das questões que mais ouvi na gravidez. Não sendo imune à toxoplasmose, metade do mundo deve achar que os meus gatos têm que arranjar nova residência durante a minha gravidez. Claro que não esteve nem um pouco perto da verdade…

Tenho 3 gatos, há vários anos, eles andam comigo pela casa toda, até dormiam comigo até a pipoquinha nascer. Estão vacinados, não saem de casa e não têm parasitas. Raramente arranham e nunca mordem.

Expliquem-me lá: por que razão não iria conviver com eles?

Eu sei, eu sei, é uma chatice não ser imune à toxoplasmose, mas para mim nem teve assim tanto impacto. Vamos a ver…

Eu não gosto de sushi nem de carne mal passada, por isso não houve sacrifício aí. As saladas e frutas sempre foram bem lavadas, por isso, tudo normal. As charcutarias podem ser consumidas se forem congeladas antes – passei a ter esse cuidado e não houve qualquer problema. Os laticínios frescos é que só se os fervesse – ok, ok, deixei de comer queijos frescos.

Só sobram os gatos, que, como disse não representaram grande problema. Além disso, nem é conveniente (ou boa prática, sequer!) mudarmos radicamente de comportamento para com os nossos melhores amigos só porque engravidamos. Eles estão ali para nós, incondicionamente, e nós vamos pensar em traí-los?

Pensem lá melhor antes de mandarem os vossos amigos passear…

 

~a

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s