Dicas para pais organizados ðŸ—’️

Como pais ocupados, mantermo-nos organizados, às vezes, parece uma impossível; concordam? No entanto, com algumas estratégias e dicas simples, podemos tornar a nossa vida muito mais fácil e pacifica. Aqui estão algumas ideias para nos mantermos organizados no dia-a-dia agitado:

  1. Usem uma agenda: Invistam numa agenda, seja uma mais tradicional, em papel, seja digital ou um simples bloco de notas, para vos ajudar a manter o controlo dos compromissos, atividades e tarefas. Anotem tudo e certifiquem-se de que verificam todos os dias. Pensem que assim a única tarefa verdadeira que terão é ir lá ver o que têm para fazer, em vez de terem que confiar na vossa memória para 30 coisas diferentes. Eu faço uso do Google Calendar, dos lembretes da Alexa, e de post-its que colo onde preciso de os ver.
  2. Criem um plano de refeições: o planeamento de refeições, mesmo que não seja de 100% das refeições da semana, pode economizar-vos tempo e dinheiro e até ajudar-vos a ter uma alimentação mais saudável. Reservem algum tempo de cada semana para planear as refeições, e criem logo uma lista de compras. Quando faço isso, vou colocando logo os produtos no carrinho do Continente (porque é como faço a maioria das compras, online), mas também tenho a lista em papel no frigorífico. Por outro lado, também podem usar a preparação de refeições para as prepararem com antecedência e economizar tempo durante a semana. Se forem sócios do clube da marmita, esta dica é de ouro 😉
  3. “Alô, tecnologia!”: existem muitas apps e outras ferramentas disponíveis que nos podem ajudar com a organização, como apps de compras de supermercado (eu utilizo o Continente Online, mas podem usar o ou os que vos convierem mais), apps de listas de compras (sem serem o carrinho do supermercado), de planificação de refeições, lembretes, etc. Usem a tecnologia a vosso favor e encontrem as ferramentas que funcionam melhor para vos ajudar.
  4. Gerenciar tarefas domésticas: faça uma lista de tarefas domésticas que precisam ser feitas regularmente, como lavanderia, limpeza e compras de supermercado. Atribua tarefas específicas a cada dia ou semana e certifique-se de que todos na casa conheçam suas responsabilidades. Considere contratar um serviço de limpeza ou pedir ajuda a familiares ou amigos.
  5. Gerir melhor as tarefas domésticas: este é dos meus calcanhares de Aquiles, confesso. Não sou de pedir e esperar; na minha cabeça é tudo óbvio, então simplesmente faço. O que me sugeriram aqui foi fazer uma lista de todas as tarefas domésticas que precisam de ser feitas regularmente, como lavar a roupa, limpeza da casa e fazer as compras. Depois, atribuir tarefas específicas a cada dia (ou semana) e – muito importante – delegar algumas! Mas certifiquem-se de que todos na casa conhecem suas responsabilidades, mesmo os pequenotes. Neste campo, também já me sugeriram contratar um serviço de limpeza ou pedir ajuda a familiares ou amigos, mas isto ainda me custa mais fazer. Se conseguirem e tiverem a possibilidade, força!
  6. A boleia dos miúdos: uma ideia interessante é terem um dia da semana – ou de 15 em 15 dias, ou do mês – em que quem vai buscar os miúdos não são vocês. Conheço algumas pessoas que fazem isso – os avós ou os tios vão buscar os filhos num determinado dia e, parecendo que não, é menos uma coisa para fazer. Uma coisa que fazemos automaticamente, mas leva tempo e energia.
  7. Durmam o suficiente: é importante dormirmos o suficiente todas as noites para nos mantermos saudáveis e focados. Parece fácil para alguns, e impossível para os outros – eu tenho uma relação muito boa com a almofada, e normalmente adormeço sem dificuldade para horas seguidas de sono. Já o meu marido tem um sono muito menos regular e isso impacta imenso com o dia-a-dia dele. O que posso aconselhar é tentarem estabelecer uma rotina para dormir, como verem um episódio curto de um programa ou lerem um livro, para ajudar a relaxar e a adormecer com mais facilidade. Evitem usar o telemóvel ou o computador antes de dormir, porque a luminosidade pode interferir no vosso sono.
  8. Dar tempo para o auto-cuidado: como pais, pode ser fácil colocarmos as nossas próprias necessidades em último lugar. No entanto, cuidarmos de nós é essencial para o nosso bem-estar e para termos a capacidade de cuidar da nossa família. Eu sinto falta do tempo em que ia ao ginásio de manhã e ficava com o dia logo melhor; ou de ir almoçar ou jantar fora em qualquer dia da semana. Sim, é verdade que anda tudo também caríssimo e não nos ajuda a ter grandes luxos, mas é arranjarmos tempo para hobbies de que você gostemos.
  9. Fazer pausas: é importante fazermos pausas ao longo do dia para evitarmos um esgotamento e mantermos o foco. Façam pausas curtas para alongar (na Sonae chegámos a fazer isso!), para apanhar um pouco de ar fresco ou para comer. Isto pode ajudar-nos a recarregar baterias e a sermos mais produtivos.

Mantermo-nos organizados, como pais, exige esforço e planificação do nosso tempo, mas vale a pena. Não temos que ir ao extremo de ter tudo mega organizado; apenas temos que perceber o que é nos vai ajudar a melhorar o nosso dia. Lembrem-se de serem gentis convosco e de celebrar as vossas próprias conquistas, por menores que possam parecer.

Advertisement

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.